Feeds:
Posts
Comments

Archive for January, 2010

Depois de duas emissões de “excesso ruído”, o Zepelim  entra em retiro contemplativo no cruzamento entre duas experiências sensoriais distintas, tendo o Tibete como cenário de fundo. Partimos nesta emissão, por recuperar o disco Songs of Milarepa (1983, Lovely Music) da compositora francesa Eliane Radigue. Nascida em Paris, no ano de 1932, Radigue estudou técnicas de música electro-acústica no Studio d’Essai da R.T.F., sob a direcção de Pierre Schaeffer e Pierre Henry (autor da faixa Psyché Rock, que mais tarde seria adaptada para a série televisiva Futurama).  Durante cerca de dez anos, investiu na sua formação musical clássica a partir dos instrumentos harpa e piano. No início dos anos 70 trabalhou na New York University School of the Arts e nos estúdios de música electrónica da Universidade de Iowa e no Instituto de Artes da Califórnia, altura em que começou a desenvolver o seu trabalho com o ARP 2500, que passou a ser o instrumento quase exclusivo ao longo da sua discografia. Em 1974, Eliane Radigue deslocou-se ao Mills College, a convite de Terry Riley, para apresentar o seu primeiro Adnos, onde contactou com um grupo de estudantes franceses que compararam a fluência e itensidade dos seus drones com a profundidade da escola do Budismo Tibetano. Eliane Radigue inicia a partir daí o estudo e práctica do Budismo Tibetano auxiliada pelo guru Pawo Rinpoche, cessando a sua actividade artística durante cerca de três anos. Durante esse período de aprendizagem, Eliane contactou com poemas do tibetano Jetsun Milarepa. Milarepa,  viveu durante o século XI (d.c), dedicando vários anos da sua vida à solidão das montanhas. Após uma vida de reflexão e contemplação alcançou um elevado e iluminado entendimento que o permitia explicar as complexas questões que os seus discípulos lhe colocavam, espontaneamente em estilo de poema ou de canção. Apesar da sua biografia estar envolta numa nuvem de romance, afirma-se que tenha composto 100,000 canções para comunicar as suas ideias, enquanto ensinava e conversava. Um largo número de histórias e canções de Jetsun Milarepa foram traduzidas para várias línguas ocidentais, muitas resistindo ao tempo apenas pela expressão oral. No disco Songs of Milarepa, Eliane Radigue recupera as canções de Milarepa presentes no livro Drinking the Mountain Stream, e convida Lama Kunga Rinpoche, para as cantar em Tibetano, enquanto Robert Ashley dá voz à tradução inglesa sobre os drones do ARP 2500. Nesta emissão podemos escutar duas faixas retiradas de Songs of Milarepa: “Song of the Path Guides” (21:01min.) e um alongado excerto de “Eliminations of Desires” (17:17min.). Mas Songs of Milarepa, foi apenas o primeiro trabalho que Eliane Radigue dedicou ao poeta tibetano, seguiu-se em 87 o disco Jetsun Mila, em 92, Mila’s Journey Inspired by a Dream e em 98 a Lovely Records reedita Songs of Milarepa numa edição em dois discos.

Às faixas de Songs of Milarepa destacadas neste Zepelim, cruzamos os Field Recordings do músico norueguês Geir Jenssen, também conhecido como Biosphere, presentes em Cho Oyu 8201m – Field Recordings From Tibet (Ash International, 2006). Para além da sua vida artística, Jenssen pratica montanhismo e foi na escalada à sexta montanha mais alta do mundo Cho Oyu com 8.201 metros, situada a 20 km oeste do monte Evereste que gravou com um pequeno MiniDisc, os field recordings presentes em Cho Oyu 8201m. Estas captações, funcionam como um diário sonoro da sua escalada, feitas de momentos de espera, antecipação, vento, chuva e de pequenas escutas hertzianas como último contacto com a civilização.

Se através de Eliane Radigue a montanha é um símbolo de nascimento filosófico e poético, em Geir Jerssen a montanha é um obstáculo conquistável, coisa do corpo.

Download

Carlo Patrão


Advertisements

Read Full Post »

André Rocha - Vazio

Segundo episódio de uma pequena série de programas dedicados ao “excesso”, nesta emissão olhamos para o fenómeno de sobre-população. Na década de 60, os media inauguravam os primeiros debates e discussões sobre a eminência do excesso de população face à escassez de recursos, conduzindo a alguma histeria. As Nações Unidas alertam actualmente que a população do mundo irá duplicar nos próximos 40 anos. Como exemplo, a Índia com 1,17 biliões de pessoas, e com um crescimento médio de 1,6 por ano, torna verdade o que o senso comum tomaria como anedota recorrente, segundo a Times: The minister called on India’s television channels to provide high-quality programs, arguing that enticing  content would offer alternative late-night entertainment. Por outro lado, no Afeganistão apenas  14% dos nascimentos originarão adultos saudáveis. Mitos, becos, dados, balanços, distribuição, conspirações, excesso…

Povo alinhado:
Ollie Hall – Asakusa [Japan Field Recordings, 2009]
Ollie Hall – Asakusa Arcade [Japan Field Recordings, 2009]
Ollie Hall – Veloce Coffee Shop [Japan Field Recordings, 2009]
Greg Marguerite reading “This Crowded Earth” of Robert Bloch (excerto)
Erica Buettner reading french names
Jimmy Behan – Awake [The Echo Garden, 2009]
Population stupidity finally exposed
Scanner – Tate Modern Voices [created for Tate Modern Musicircus, 2006, unreleased]
Catherine Jauniaux – Origine des Femmes [Fluvial, 1983] (excerto)
Greg Davis – Pythagorean [Primes, 2009]
Catherine Jauniaux – Kebadaya [Fluvial, 1983]
Dana Boulé + Cristian Sotomayor – There’s too many people in the world (original piece)
Erica Buettner reading english names and their meanings
Overpopulation: The Making of a Myth
Era uma vez um arrastão (excerto)
John Lennon’s Opinion about Over Population
Machinefabriek and Stephen Vitiello – Bells, Book, Tin foil, Buttons [Box Music, 2008]
A Nosa Fala – Lougares – Lougares – Mondariz [Arquivo Sonoro de Galicia]
A Nosa Fala – Abelán – Fornelos – Salvaterra de Miño [Arquivo Sonoro de Galicia]
Jasper-TX – Mornings After [Singing Stones, 2009]
Glenn Beck: US Mexico Border Violence (excerto)
Ollie Hall – Waiting for Shinkansen [Japan Field Recordings, 2009]
Afonso Biscaia Lígia Anjos leêm lista de vocábulos admitidos e não admitidos como nomes próprios pelo Instituto de Registos e Notariado de Portugal
Leyland Kirby – The sound of music vanishing [Sadly The Future Is No Longer What It Was, 2009]
Julie Doiron – Life of Dreams [I can wonder what you did with your day, 2009]

Especial obrigado a Erica Buettner, Dana Boulé, Cristian Sotomayor, José Afonso Biscaia & Lígia Anjos

PodcastDownload

(edit: links actualizados)

Carlo Patrão

Read Full Post »

O último Zepelim, o primeiro de uma pequena série sobre o excesso, debruçou-se sobre a obesidade, um grave problema a nível mundial. A sociedade de consumo faz pressão em sentidos opostos: o de comer em muita quantidade, e ao mesmo tempo de apresentar uma imagem magra, deixando muitas pessoas pelo mundo num dilacerante dilema.

Alinhamento:

1. Nurse With Wound – Salt Marie Celeste (excerto) [Salt Marie Celeste, 2003]

2. James Ferraro – Untitled [Heaven’s Gate CDR, 2009]

com excertos de:

Anúncios: “Burguer King”, “Chocolate Nogueroles”, “Kentucky Fried Chicken”, “Kinder Chocolate”, “McDonald’s”, “Pizza Hut”

Programas de TV: “5 Para a Meia-Noite: Fernando Alvim lê uma receita de Filipa Vacondeus”, “O Tal Canal: Cozinho Para o Povo, com Filipa Vacondeus”, “Praça da Alegria: Bife à Chefe Silva e Divina Lampreia”, “Sebastião Come Tudo”, “Telejornal: Homenagem ao Chefe Silva em Almeirim”,”The Muppet Show: Swedish Chef – Swedish Meatballs”, “The Young Turks: Discrimination Against Overweight People”, “VT: Obesidade Mórbida”

Série Delícias CantadasCélia e Celma: “Frango com Quiabo”, “Língua com Molho”

Videos no Youtube: “Being overweight and dating – PracticalHappiness.com”, “Entenbrust richtig zubereiten”,”Porquê “Herbalife”? Porquê Agora?”  “Weight Loss Motivation”, “Yoga Exercises to Flatten the Stomach”

José Afonso Biscaia

PodcastDownload

(edit: links actualizados)

Read Full Post »

%d bloggers like this: